Novas regras para vendas online ajudam consumidores a poupar

As novas regras da União Europeia (UE) determinam que, a partir de Janeiro de 2015, os retalhistas de vendas online exibam a etiqueta energética juntamente com os novos produtos.

As lojas físicas são obrigadas por lei a colocar as etiquetas energéticas nos frigoríficos, televisores e outros produtos, mas as lojas online não eram obrigadas a fazê-lo caso fossem fornecidas uma série de informações técnicas sobre o produto. Com o aumento de vendas online, a UE decidiu alterar as regras.

Muito provavelmente os websites exibirão uma versão em pequena escala da etiqueta ao lado do produto, com mais informações a serem disponibilizadas se se passar ou clicar com o rato, ou no caso dos smartphones ou tablets, se se clicar com o dedo. As indicações da Comissão Europeia são muito rigorosas e sem margem para abusos.

As regras são apenas obrigatórias para os novos produtos colocados à venda a partir de 1 de Janeiro de 2015, mas os produtores podem facultar as versões digitais das etiquetas energéticas dos produtos já disponíveis no mercado antes dessa data, cabendo aos retalhistas a decisão de exibi-las ou não. Esperemos que o façam.

Deixe um comentário